A 110ª Sessão Extraordinária do Conselho Universitário (CONSUN) da UFMA, realizada neste 24/09 (quinta-feira), aprovou a Moção de Apoio da Reitoria à criação de uma nova universidade federal no Maranhão. Não foram registrados votos contrário à Moção.

A ata final da reunião ainda não foi divulgada, mas o encontro contou com cerca de 70 participantes, sendo que, entre os votos, foram registradas duas abstenções e nenhum voto contrário. Todos os demais votantes aprovaram a Moção de Apoio. A pauta contou com o vice-reitor, professor Marcos Fábio Belo Matos, como relator.

Reunião do Consun ocorreu de modo remoto

A Moção aprovada apoia o projeto do senador Roberto Rocha, que defende o nome Universidade Federal da Amazônia Maranhense (UFAMA) para a nova UF. Originalmente, o projeto prevê desmembramento dos campi de Balsas, Grajaú e Imperatriz da UFMA para criação da nova universidade. O texto pode ser lido integralmente pelo link abaixo:

https://novafederalmaranhao.com.br/wp-content/uploads/2020/09/mocao.pdf

Para o reitor Natalino Salgado Filho, propositor da Moção, o gesto é simbólico, mas sinaliza que a academia assume papel central na discussão sobre a criação, não deixando o tema apenas na agenda política. Além disso, o reitor enfatizou que a autonomia dada à nova universidade promoverá o desenvolvimento nessas regiões, hoje tão distantes geograficamente dos processos decisórios da UFMA.

A expectativa, agora, é que sejam intensificados os debates, já iniciados, quanto ao projeto da nova universidade, incluindo questões relativas ao orçamento. Uma comissão de docentes do Movimento Nova Federal Maranhão tem estudado processos de criação de novas universidades, bem como modelos pelo mundo, e estruturado as ideias para discussão e proposição, em breve, ao Legislativo e Executivo, garantindo que membros da academia participem do processo de criação da nova UF.

Depois da aprovação em reunião, o reitor assinou a resolução: