A Câmara de Vereadores de Balsas aprovou, ontem (26/10), uma Moção de Apoio à criação da Universidade Federal da Amazônia Maranhense (UFAMA), que reunirá os campi de Balsas, Grajaú e Imperatriz em uma nova universidade federal, desmembrada da UFMA. Se criada, será a segunda universidade federal do Maranhão, com ganhos de autonomia para, de fato, serem exploradas as potencialidades regionais, no que diz respeito às demandas educacionais.

A Moção de Apoio foi apresentada pelo vereador Paulo Junior (DEM) e representa mais uma significativa manifestação em favor da criação de uma nova universidade federal no Estado.

Depois de inúmeros projetos e movimentos que defenderam a criação de uma segunda universidade no Maranhão no passado, agora, um projeto em trâmite no Congresso Nacional de autoria do senador Roberto Rocha tem ganhado força ao defender a criação do que ele denomina de “Universidade Federal da Amazônia Maranhense (UFAMA)”. Originalmente o projeto tramita com a proposta de nome “Universidade Federal do Maranhão do Sul (UFMA-Sul)”, ou seja, uma universidade voltada ao ensino, pesquisa e extensão – Projeto de Lei do Senado n° 505, de 2017. Porém, o senador tem defendido que o novo nome seja UFAMA.

Ao observar recorrentes anúncios da UFAMA, o Movimento Nova Federal Maranhão avaliou que o atual cenário apresenta possibilidades concretas de criação da nova universidade e se organizou para promover uma participação mais efetiva da comunidade acadêmica nas discussões e nos processos de criação da nova universidade. Para isso, o Movimento montou comissões de pesquisa e estruturação de projetos como forma de fornecer ao Legislativo e Executivo um projeto de universidade que possa amparar a discussão quanto ao modelo mais adequado para a nova universidade, considerando os anseios da comunidade acadêmica.

Na cerimônia de aprovação da Moção de Apoio, a diretora do campus de Balsas, professora Gisélia Brito dos Santos, discursou em defesa do que a nova universidade pode representar para toda a região. “A Moção é mais uma conquista no espaço político, pois a força política se une ao Movimento, que ganha mais força para termos êxito na criação da nova universidade” , disse a diretora.

Em setembro, o Conselho Universitário (CONSUN) da UFMA já havia aprovado Moção de Apoio da Reitoria à criação de uma nova universidade federal no Maranhão, sem nenhum voto contrário entre os conselheiros votantes. Em agosto, a Câmara de Vereadores de Imperatriz já havia também aprovado Moção de Apoio, apresentada pelo vereador Zeziel Ribeiro, à criação da nova universidade.